20 de jan de 2010

Simpsons Arcade: clássico dos fliperamas revive no iPhone

O iPhone ou o iPod Touch viraram uma ótima opção para os saudosistas de games do passado. Além de Sonic 1, Pac Man e Space Invaders, os aparelhos da Apple agora tem dentro da App Store mais um novo ótimo game que ressuscitou dentro da plataforma. Trata-se de The Simpsons Arcade, que saiu nos EUA no final de dezembro.

Lançado em 1991 para PC, mas popular mesmo nos fliperamas, o antigo game da Konami recebeu uma roupagem nova pelas mãos da Electronic Arts. Os gráficos estão incríveis, com todo o colorido moderno do desenho de Matt Groening. A jogabilidade também é bem interessante.

No game de quase 20 anos atrás, a história girava em torno do bebê Maggie, que engolia um diamante poderoso. Toda a Springfield corria atrás dela e cabia ao jogador escolher Homer, Bart, Lisa ou Margie para defendê-la. Agora, o roteiro mudou um bocado: desta vez, as figuras mais poderosas da cidade conseguiram um modo de roubar o dinheiro de toda a população.

A informação, armazenada em um pen drive, é escondida numa rosquinha. É claro que ela acaba parando nas mãos de Homer. Porém, aqueles mesmos poderosos a tomam de volta, o que provoca a fúria interior do patriarca da família Simpson, que irá enfrentar seguranças do prefeito e vários agentes para ter de volta a guloseima.

Os controles do jogo simulam os botões de uma máquina de fliperama. Do lado esquerdo da tela touch screen fica o direcional, movimentando o Homer apenas para cima e para baixo da tela, igual alguns games de antigamente, como Double Dragon. Na parte direita estão dois: um verde, para pular, e um vermelho que serve para chutar, socar, dar cabeçadas e segurar objetos como caixas, tacos de baseball e barras radioativas. Todos esses item, é claro, servem para o quebra-pau.

Uma pena que no game só seja possível brincar com o Homer, ao contrário da versão original. Em poucos momentos dá para se chamar os outros personagens. Bart sobe no pescoço do pai e atira pedras com um estilingue, enquanto Lisa acerta todos enquanto pula corda. Maggie, no colo da mãe, dá umas cacetadas no coco de Homer, que sai batendo em todo mundo. Nesse momento é preciso usar o acelerômetro do iPhone/iPod Touch, para ajudar a direcionar o personagem.

Simpsons Arcade é curtíssimo e muito simples. São seis missões ao todo que correspondem a cerca de 20 fases. É muito fácil socar os agentes e os únicos momentos desafiadores estão as lutas contra os chefões.

Trata-se de um game divertido, com excelente resolução de vídeo e interessante jogabilidade. Consome bateria demais, basta 1h de jogo para sentir seu intenso consumo de energia. Ele tem um tamanho de 50.9 MB e custa US$ 4,99. Infelizmente, só está disponível para quem tem conta nos EUA, mas é possível baixá-lo de graça na internet. Para isso é preciso instalar programas que “destravam” os dois gadgets, o que fica por conta e risco do leitor.

* Matéria publicada no Virgula

Nenhum comentário: