23 de jan de 2010

New Super Mario Bros. Wii é remix dos grandes jogos da série


Enquanto os fãs aguardam ansiosos pela sequência de Super Mario Galaxy para 2010, a Nintendo resolveu não perder tempo e pôs nas prateleiras do mundo todo, no final do ano passado, New Super Mario Bros. Wii (NSMBW). O game é uma grande homenagem da empresa japonesa aos antigos jogos de sucesso do encanador bigodudo mais famoso da história. É praticamente um remake tridimensional, cujo grande diferencial é a novíssima possibilidade se poder jogá-lo com até quatro pessoas ao mesmo tempo.

O público respondeu bem ao lançamento, no final de 2009. Em sua primeira semana, o jogo vendeu 940 mil unidades, recorde absoluto do Nintendo Wii (por aqui, ele custa R$ 250). Mas isso não significa que estejamos diante de uma obra de arte. Antes do review, vamos direto ao assunto: para quem é um saudosista de primeira, NSMBW é um excelente passatempo. Já para quem busca desafios e inovações, trata-se de um produto decepcionante. Entenda abaixo as razões que levam a essas duas visões.

SAUDOSISMO PURO
Sabe todos os elementos que fizeram de Super Mario Bros. a série mais icônica dos games? Estão todos em New Super Mario Bros. Wii. A jogabilidade é a mesma das versões anteriores, principalmente daquelas presentes no NES. A plataforma 2D é a mesma, com o personagem andando e pulando lateralmente, mas os gráficos são em 3D. O próprio jeito de jogá-lo é vintage, devendo-se segurar o Wii Mote na horizontal, com as duas mãos. A sensação é de estar na década de 90!

Os cenários e os objetivos são um remix de várias fases marcantes da série. Mesmo assim existem novos elementos, como uma roupa de hélice que faz o encanador voar (não é tão adorável como a fantasia de abelha de Mario Galaxy), um poder que serve para congelar os inimigos e um certo Mario Pinguim, especial para as fases de gelo.

Ao mesmo tempo em que a nostalgia bate forte, a cobrança em torno do game também é grande. A Nintendo prometeu para NSMBW uma verdadeira revolução, o que não acontece. A diversão, presente em todos as imensas variações dos jogos do "Bigode", estão presentes aqui. Mas não existe nenhuma inovação: a própria música de fundo remete a sintetizadores ultrapassados.

Quem teve a oportunidade de jogar Super Mario Galaxy sabe de todo o potencial do Wii. Os gráficos ali são belíssimos, a trilha sonora, orquestrada, chega a tirar lágrimas de qualquer marmanjo. Fora a jogabilidade revolucionária, que sabe trabalhar de forma primorosa com o Wii Mote e o Nunchunck, algo que foi completamente ignorado em New Super Mario Bros. Wii.

O visual de NSMBW é pobre, feito sem capricho (a tela fica em widescreen, algo que já tira muito da experiência gamer). Para piorar, chegam a ser ridículos os poucos momentos em que se usa o sensor de movimentos do joystick do console: para rodopiar o personagem, deve-se sacudir o Wii Mote para cima, por exemplo, enquanto se aperta um botão. Totalmente desconfortável.

Por outro lado, deve-se elogiar a dificuldade das fases, que são cheias de obstáculos e itens extras que praticamente anulam aquela brincadeira de passar de fase correndo e pulando o tempo todo. Para compensar as "mortes" corriqueiras, as fases estão cheias de itens de sobrevida de difícil acesso. Uma novidade, aliás, é que agora dá para armazenar tudo o que for coletado desse tipo, para que depois se possam utilizá-los antes de entrar em alguma nova missão complicada, com o propósito de facilitar a sua passagem.

CAÇA-NÍQUEL?
Os momentos mais divertidos de New Super Mario Bros. Wii acontecem no modo multiplayer. É bastante divertido revisitar as fases na companhia dos amigos, que podem ser até quatro (sempre com o Mario, Luigi e mais dois Toad) ao mesmo. Pode-se optar por realizar missões cooperativas ou por fazer uma grande confusão sem nenhum compromisso, armando armadilhas para sacanear seus colegas ou mesmo roubando os itens colecionados por eles. É isso que acaba rolando depois de certo tempo. Outras opções no modo multiplayer incluem fases livres e outras que envolvem a disputa de coleção de moedas.

Resumindo? NSMBW é um bom jogo, de diversão garantida, que se sai muito bem por justamente copiar uma fórmula de sucesso que a Nintendo criou há mais de 20 anos. Mas, ao mesmo tempo, soa como um produto caça-níqueis - o que vai descontentar quem estiver em busca de uma experiência semelhante a de Super Mario Galaxy.

* Matéria publicada no Virgula

Nenhum comentário: