30 de set de 2008

No Estadinhon

Família blogueira

Enquanto se ajeitava na poltrona para conversar com o Estadinho, Gabriel Pandini, de 8 anos, teve um momento que não foi lá muito educado com sua mãe, a jornalista Alessandra Alves. Chateada, ela ameaçou deixá-lo de castigo. Mas ele não iria ficar sem sobremesa por alguns dias ou videogame por uma semana. A bronca veio assim: “Se você não se comportar eu tiro seu link do meu blog, hein!” Gabriel ficou quietinho.

Nesses tais tempos modernos, a moda agora é que as crianças criem blogs porque seus familiares, vejam só, são blogueiros! É aquela velha história: a criançada vê alguém mais velho fazendo algo legal e diferente e fica com aquela vontade de ser igual, “virar adulto”. Aqui, o caso é também ter blog.

Gabriel, por exemplo, montou o seu Saco de Batatas porque seus pais são apaixonados por automobilismo e blogam sobre esse tema. E adivinhem sobre o que é o blog dele?
O pequeno blogueiro escreve principalmente sobre Fórmula 1 e pilotos antigos da categoria. Os pais o ajudam, dando dicas de leitura e comentando no site, mas Gabriel gosta de se virar sozinho, caçando informações na internet. E adivinhem o que ele quer fazer quando crescer? “Escrever sobre carros. Já tenho até leitor de Portugal”, orgulha-se.


Só futebol
Gustavo Altman, de 10 anos, admite: criou o seu blog por influência do pai, o jornalista Fábio Altman. “Eu via ele escrevendo e ficava com vontade”, ri. Assim como o paizão, Gustavo escreve sobre futebol. No Redonda ele resume notícias de sites de esporte (“criança não gosta de ler muito”) e adora escrever suas matérias, como a que fez quando o seu querido Corinthians foi rebaixado. “Se não der certo como atleta, quero escrever sobre futebol”, revela.

Para rir
Gabriel Naressi, de 11 anos, seu blog www.mundotosco.com.br é um futuro negócio. Acredite: apesar de tão novo, ele já quer ganhar dinheiro com o site. “Sempre vou na escola com a camisa do meu blog para fazer um jabá para os nerds e para ‘os não fazem nada’”, brinca. No Mundo Tosco ele publica fotos engraçadas e piadas. Gabriel criou um blog porque seu irmão mais velho tem um. E é ele quem o ajuda a vender espaços publicitários na página. “Ganhei R$ 4 até agora!”

O leitor é quem manda
Catarina Catta Preta, de 10 anos, criou o seu blog sozinha e já é uma blogueira preocupada com os leitores. No 5º Ano CSA há muitas pesquisas feitas por ela, perguntas como: quais são os cantores preferidos dos leitores, o time que torcem.... Mas de seus pais, não aceita pitacos. A mãe pede para ela diminuir as gírias e o pai, o blogueiro Zander Catta Preta, que não deixe tantas músicas no blog. “É um blog para mim e sobre mim”, explica , com personalidade.

Vô blogueiro
Pedro Henry Boechat de Aguiar, de 7 anos, não quis ter um blog apenas porque sua mãe Catherine é blogueira. Em sua casa, até o vovô Georges Henry, de 89 anos (!) tem blog. “Gosto de contar o que acontece no meu dia e do que gosto de fazer, como ver desenhos do Scooby Doo”, diz o autor de Turma do Pedro.
Pedro faz tudo sozinho: põe imagens do Google e vídeos do YouTube. Sua maior fã é a mãe. “Ela me dá uma baita força!”, elogia.

*AJUDA DOS PAIS É BEM-VINDA*
É bem bacana quando os pais ajudam seus filhos a criar um blog. Melhor ainda é se eles o ajudam depois. Uma dica legal: ler os textos e até corrigi-los, caso haja erros de português ou informação errada. Só não pode cobrar, como exigir que se escreva com muita freqüência ou sobre assunto “x”. Afinal, o blog deve ser uma diversão, não obrigação.

Nenhum comentário: