22 de nov de 2005

Estou virando...

Faz tempo que eu não dou às caras nesse espaço. Mas um fato, deveras inusitado, me faz voltar aqui para lhes contar uma historieta bem engraçada.

Sabem o Jay Vaquer, do post abaixo? Então, ele colou meu texto sobre ele em seu blog - porra, todo mundo tem blog hoje em dia! - malhando o que eu escrevi, chamando-me de jornalista de meia-tigela e coisas mais pesadas. Ele ainda quis ser espertalhão ao ponto de não querer citar meu nome e o endereço do Daqui pra Lá!, mas aconselha aos seus fiéis leitores que me procurem no Google. Porra, virei celebridade!

Faz mais de dois anos que escrevo nessa joça. Nunca fiz publicidade do DPL por aí, algo que o Ronald sempre me encheu o saco. Isso aqui raramente supera 30 ou 40 visitas diárias. E se continuo a postar aqui, é em razão de amigos que gostam e porque rabiscar algo na tela do computador me faz bem. E só!

Agora, ficar se preocupando com crítica de internet é coisa pra lá de ridícula, seu Vaquer! Valha-me Deus! Insinuando que gosto da fruta e mandando às favas minha querida mama? Coisa baixa! Lembrou-me muito a Glória Perez e o Dado Dolabella, que ficam perseguindo pela internet quem fale algo deles que não seja elogios. Até na minha página do Orkut ele foi fuçar!

Pois é, vou ficar popular. Isso aqui vai encher de comentários difamando minha pessoa, minha namorada e até meu cachorro. Se eu fosse alguém famoso, crítico musical, de alguma magazine, um formador de opinião, vá lá! Daqui a pouco ele entra com um processo contra minha pessoa...

E, Vaquer, sua música é ruim mesmo. Os vídeo-clipes são até bem feitinhos - gostava daquele "A Miragem", mas só. Mas que você acabou se revelando um escrotinho, ah, isso se revelou. Vá se preocupar com coisas mais importantes, por favor! Ninguém dá muita bola para meu blog, não precisa me ajudar a ganhar leitores assíduos. Não quero ser um Diogo Mainardi, apenas falo daquilo que considero uma merda. E só.

Ridículo, ridículo, ridículo.

OBS: Leiam o blog dele, recomendo. O que ele quer é provocar polêmica e detonar com quem tira um sarrinho de sua cara.

Nenhum comentário: